Resenha de Parágrafo #10: Especial #ComicCONRS (Parte-1)

Curta nossa fan page!


Salve, salve!

Chegamos à edição #10 da Resenha de Parágrafo! Nesse sistema baseado em coincidências decimais é hora de fazer alguma coisa diferente, então dei férias para o nosso querido colunista Wendrick Ribeiro e fiz eu mesmo a coluna desta semana falando sobre as HQ que comprei na ComicCON-RS deste ano.


HQs para o coração, para a mente e para substituir alucinógenos. Confere aí!

Patas Sujas

Publicado por: Estúdio Complementares

Nota: 10 coraçõezinhos em uma escala de 10

História por: Cris Peter 

Arte por:Sula Moon  

Ideal para: todo ser humano que mereça esta nomenclatura!

“Deixe eu te contar o que vi com meus olhos compostos. A história das patas sujas e as criaturas da neve”. Estas são as últimas palavras de Patas Sujas volume 1 (serão 8 no total). Na história acompanhamos Na’az Ni, uma jovem rejeitada por sua comunidade. A HQ, com um ar de conto de fadas, provoca uma reflexão maravilhosa sobre aceitação das diferenças e faz isso descaradamente, o que é ótimo. O roteiro da Cris e os desenhos da Sula trasbordam carinho e amor. O projeto gráfico, creditado a Ariane Rauber não poderia ser mais acertado para demonstrar esse carinho com que a HQ foi concebida. Nada mais fofo que um lacinho para fechar a edição. É aquele quadrinho que não se lê apenas com a mente, mas com o coração. Parabéns às geniais garotas do Estúdio Complementares. 

PS: Sim Cris, minha mãe já leu e está louca pelos próximos (e eu também!) ;)


Galicia

Publicação independente

Nota: 9,5 caminhos em uma escala de 10 a serem percorridos.

História e arte: Marsal Branco 

Ideal para: para fãs de Moebius, mas não apenas para eles.

Uma ficção sobre a peregrinação, esta é Galícia, a mais inesperada e grata surpresa das HQs que comprei na Comic CON RS. Escrita e desenhada por Marsal Branco, esta é a edição de pré-lançamento com 12 páginas da história que terá 105 no total. Nela vemos um trabalho ALUCINANTE de ilustração do autor (que você pode ver AQUI!) que me fez comprar a HQ sem saber do que se tratava a história. Mas a história, meu amigo, é tão boa quanto a ilustração. A ficção fantástica de Marsal é uma metáfora para a jornada da vida, ao menos foi assim que eu a li. A narrativa, contada por um avô a seu filho ao redor de uma fogueira, dá o caráter de lenda a este começo de história genial. Marsal está criando sua lenda e você precisa ler isso! Você pode entrar em contato com o autor pela fan page do mesmo (www.facebook.com/galiciahq) e adquirir o seu exemplar de pré-lançamento, além de ver os maravilhosos desenhos nascendo. 


AKA e as LUTAS BESTIAIS

Publicado por: Coletivo TESLA

Nota: 9 propagandas de produtos aleatórios durante 10 rounds de luta bestial.

História por: FTF  

Arte: Adan L. Marini e o Thiago Danieli 

Letras: Lu Lain

Ideal para: todos que curtem HQs  e doideiras potencializadas por roteadores.

O que acontece quando você dá LSD para um unicórnio lilás em uma madrugada de sábado durante um eclipse em Saturno e deixa o bichano, bem louco, fazer uma HQ? AKA e as Lutas Bestiais! O pessoal do coletivo Tesla não estava de cara limpa quando criou essa HQ (ao menos é muito difícil acreditar no contrário). Um UFC com mulheres que se transformam em monstruosidades, um robô romântico depressivo, um cantor do espaço, um anão que quer dominar o mundo e uma homenagem psicodélica a Laerte. Tudo isso e muitas outras coisas loucas em AKA e as Lutas Bestiais. 

PS: Não use drogas leia AKA, a viajem é mais forte e não afeta sua saúde.


Por agora era isso, semana que vem retornarei (ainda eu) com as outras HQs que comprei no evento. Falando no evento em si: já viste meu vídeo sobre o mesmo? Não? Então tá aqui o link: youtu.be/9PExi-d2Wj0 

Até a próxima!

Desenhista do Comandante Key
Criador da Quadrinhosfera

Postagens mais visitadas